carregandi

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Adote um cãozinho


Adote um cãozinho

Caso esteja pensando em ter um cãozinho em casa, esse artigo é para você. Já pensou em adotar um pet sem raça definida, um cão abandonado? Eles estão por toda a parte, vagando pelas ruas, vivem em busca de proteção, comida e água. Esses animaizinhos são especiais. Carentes, aprendem a viver sozinhos, mas eles sentem frio e fome, assim como nós humanos.

Infelizmente o número de cachorrinhos desabrigados cresce a cada dia. Muitos são abandonados pelos antigos donos por crueldade, alguns até de raça especial. Lembre-se de que, em alguns casos, o cãozinho sofreu muitos maus-tratos e pode ser um pouco medroso, mas nada resiste ao amor. Dê carinho a esse bichinho e ele se tornará um cão maravilhoso. Conheça os motivos para adotar essas belezinhas e ajude a diminuir a quantidade de melhores amigos do homem que estão pelas ruas.

 

Fidelidade infinita

Os cães que moram nas ruas passam por inúmeras dificuldades e por esse motivo possuem uma gratidão pelos donos que o acolheram. Eles dão um enorme valor a comida, brincadeiras e carinho que recebem.

 

Inteligência

Esses cachorros possuem uma grande capacidade de aprender novos truques e lições. Isso porque eles respeitam demais a pessoa que o acolheu, o dono que ele esperou por tanto tempo para ter.

 

Você estará salvando um animal em risco

Nas ruas, esses animaizinhos correm riscos constantes, como pegar doenças ou serem atropelados. Resgatando os cães de rua, você estará salvando a vida deles.

 

Ele é flexível

Um cão de rua possui a habilidade de se acostumar em qualquer ambiente. Ele irá se adaptar ao novo lar e conviver bem com as novas pessoas e regras da casa. Como dito anteriormente, alguns possuem traumas provenientes de maus-tratos, mas, por experiência própria, dê carinho e veja uma transformação diante de seus olhos. É muito gratificante.

 

Muitos já vêm treinados

Se você adotar um cão de abrigo, ele já vem com um treinamento sobre onde fazer xixi no lugar correto, já sabe conviver com outros cães e etc...

 

Sua carinha de “pidão”

Quem resiste à cara de “pidão” de um cão carente? Eles anseiam por carinho, coisa que muitos deles nunca tiveram na vida. Mas atenção, antes de adotar, alguns pontos devem ser levados em consideração:

* Estilo de vida da sua família- não adianta adotar se o ritmo de família não permite dar atenção ao cãozinho, isso inclui tempo para passear com ele;
* Espaço na residência- isso vai determinar o tamanho do animalzinho que você poderá adotar. Quanto maior, mais espaço se faz necessário;
* Custos- ter um cão, ou qualquer outro animal, resulta em alguns custos. Ração, remédios, vacinas, veterinários e banhos. Esteja preparado, de coração (e bolso) aberto.
* Membros da família- faz diferença se você tem uma criança pequena em casa, por exemplo. Conheça a personalidade do cão antes de tudo.

 

Adotar um cãozinho abandonado ou um vira-lata é um gesto de amor. É a certeza de que você terá um amigo fiel e eternamente grato ao seu lado. Visite um abrigo, há centenas de animais aguardando por um lar. Não compre, adote!

 

Sugestões de locais para adoção em Brasília: 

* Abrigo Flora e Fauna: www.abrigofloraefauna.org.br

* Augusto Abrigo: augustoabrigo.blogspot.com.br

* SOS 4 patinhas: www.sosgatinhoderua.com.br

* Projeto Adoção São Francisco: projetoadocaosaofrancisco.blogspot.com.br

 

Sites de interesse:

*http://www.sosanimais.org.br/

*http://www.animalsos.com.br/

*http://www.proanima.org.br/

 

 

Leia também


Copyright® 2018 - Modo Chique. Todos os diretos reservados.